Início Entretenimento Casagrande questiona presidente do Flamengo sobre pressa para volta do futebol brasileiro

Casagrande questiona presidente do Flamengo sobre pressa para volta do futebol brasileiro

1

O ex-jogador de futebol e comentarista da Rede Globo, Walter Casagrande, deu o que falar em mais uma de suas participações no “Bem Amigos”, programa do Sportv e apresentado por Galvão Bueno. Na última segunda-feira (8), o convidado da edição foi Rodolfo Landim, presidente do Flamengo e o personagem mais insistente no retorno do futebol brasileiro em meio a pandemia do coronavírus.

Num primeiro momento, Galvão Bueno questionou ao presidente se não houve uma precipitação por partes de dirigentes e clubes do Rio de Janeiro em por a data de 20 de junho como a possível volta do Campeonato Carioca. O narrador até fez uma comparação com o Rio Grande do Sul, que apresenta uma situação bem melhor que o Rio em relação a números de casos e mortes por Covid-19, e ainda não prevê a volta do Gauchão antes de julho. Landim respondeu que o protocolo que o Flamengo está seguindo garante a segurança dos atletas e seus familiares.

Em seguida, Casagrande questionou o motivo da pressa do Flamengo para o retorno das partidas. Mais do que uma pergunta, o comentarista fez uma reflexão sobre a situação atual do país e como o Governo Federal vem encarando a pandemia, que já matou mais de 37 mil pessoas no Brasil:

“O Governo Federal não tratou bem a pandemia. Nós não temos nem Ministro da Saúde, quem dirá voltar com o futebol […] O senhor está falando em nome do Flamengo, não em nome do futebol. Os jogadores do Flamengo estão seguros, a família dos jogadores do Flamengo estão seguras, o Flamengo está dando as condições, o Flamengo testa, mas o futebol brasileiro não é só o Flamengo. O senhor não vai dividir o campo e fazer titular contra reserva e disputar um campeonato? […] Então, por que a pressa, presidente? Por que não pode esperar mais um mês ou dois? Por que não pode ter mais segurança para se fazer isso? Qual é o problema? O senhor tem que pensar no Flamengo e em vocês também. Porque se der alguma coisa errada, o senhor foi o líder da coisa errada” – indagou Casagrande.

Rodolfo Landim respondeu que o Flamengo não está sozinho nessa história. Que há um grupo de equipes que disputam a Série A do Campeonato Brasileiro e há um acordo com outros times em relação ao retorno das partidas. Ele falou também sobre a liderança do Rubro negro nesse embate pelo reinicio das competições:

“O que o Flamengo faz questão de liderar é pelo exemplo, pela forma que a gente se coloca dentro de campo. É pela gestão que a gente faz do futebol. Eu não quero ser o líder dos grupos, não. Eu não quero liderar nenhum movimento, não. De volta ou de não volta. A gente vai seguir as orientações das autoridades […] Temos conversado com todo mundo para tentar fazer tudo dentro do que está estabelecido dentro da lei […] O Flamengo quer liderar, sim. Mas pelo exemplo.” – respondeu Landim.

Confira o vídeo completo:

1 COMENTÁRIO

  1. Todos estão loucos pra ver seu time em campo. Mas nada de meter os pés pelas mãos. Vamos ter prudência e responsabilidade para não por em risco a vida de ninguém.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui